Moçambique participa pela primeira vez no South African Fashion Week

Moçambique participa com estilistas e modelos moçambicanos na maior montra da
indústria da moda sul africana, o South African Fashion Week. Esta participação é
resultado de acções de cooperação entre o Mozambique Fashion Week e o South
African Fashion Week.

Com esta participação perspectiva-se o reforço do intercâmbio cultural e de negócios
entre o Mozambique Fashion Week (MFW) e o South African Fashion Week, sendo que
este é de grande importância para a sociedade, para a indústria, bem como para a
economia de ambos os países.

A indústria da moda em África (Vestuário e Calçado) é o segundo maior sector
económico depois da agricultura, com uma maioria de mão de obra feminina e juvenil.
Só na África Austral esta indústria está avaliada em cerca de 31 biliões de Dólares. Ao
nível mundial com uma projeção de crescimento a ordem de 5 trilhões de dólares
anualmente, representando um elevado potencial para investimento em África.

O intercâmbio cultural entre as duas semanas de moda tem potencialidade para
promover a diversidade cultural nacional, a troca de ideias e a abertura de novos
mercados a todos os intervenientes do sector, bem como a estabelecer contatos com
outros profissionais.

Estilistas e modelos moçambicanos, ao participarem do South Africa Fashion Week
poderão igualmente ajudar a disseminar a cultura moçambicana, aumentar a
visibilidade da indústria da moda moçambicana e promover o intercâmbio cultural entre
os dois países.

A participação de Moçambique no South African Fashion Week, primeira participação
estrangeira até então realizada naquele evento, irá ajudar a impulsionar o crescimento
da indústria da moda moçambicana e a economia do país, acções alinhadas com a
Política das Indústrias Culturais e Criativas e Estratégia da sua Implementação do
Ministério da Cultura e Turismo, parceiro estratégico do MFW no desenvolvimento do
subsector da Moda em Moçambique.

Os estilistas das marcas, CUCCLA, MABENNA e CHIBAIA, serão os primeiros
participantes deste intercambio e farão a apresentação das suas coleções próximo dia
22 pelas 20H30m. Nesta edição serão acompanhados por 4 modelos moçambicanos,
Chantel Tomo, Rachel Biza, Russel Telles e Ivanildo Lourenço.

A indústria da moda é um importante empregador, e o crescimento da indústria da
moda moçambicana está em franca ascensão na criação de novos postos de trabalho
e oportunidades de geração de renda para os jovens e para as comunidades locais.
Além disso, a promoção da diversidade cultural pode ajudar a promover a tolerância e
a compreensão entre os povos, fortalecendo assim as relações entre Moçambique e a
África do Sul por si históricas.

Mozambique Fashion Week

wpChatIcon